12 de abr de 2010

Dali

Experiências com minha cadela Dali.



Eu chamo: "Dali!" (com voz animada) E ela vem correndo em minha direção com o rabinho balançando.
Nos momentos de gula (animais pecam), Dali late na porta para entrar. Eu jantando do outro lado não faço nada, então ela começa a latir mais alto, estressada (animais se estressam), latindo pra qualquer barulho vindo da rua, como se alguém estivesse passando na frente de casa (acho que pensando que assim eu abriria a porta pra ver o que era e ela tivesse a oportunidade de entrar e receber comida, mas talvez estivesse apenas estressada).
Então eu ordeno com rigidez (mostrando insatisfação na voz): "Dali!". E pronto, ela entende que eu não estou gostando da atitude dela, e por um momento ela para, fica em silêncio, e então depois de um curto tempo ela recomeça com os latidos, mas desa vez chora ao latir (lembra um bebê chorando, um cachorro triste, desapontada comigo), como se implorasse talvez, seus latidos eram como pedidos de clemência, implorando para que eu a deixasse entrar (gula da Dali), sem dar uma segunda ordem, terminei de jantar e fui me deitar, então escuto-a retomar com os latidos, agora nervosa (novamente estressada), faço que não a escuto e ela come de sua ração que estava ao lado, acalmando sua gula e sua fome.

De onde vinha a gula de Dali? Ela sabe muito bem qua a comida que eu estava jantando era mais agradável que sua ração, por isso a gula, também por isso. (Cachorros têm preferência e distinguem entre bom e mal)

E ainda chamam a Dali de animal irracional.
Perceba que Dali é tão esperta que até sabe seu nome. E ela sabe discernir meus sentimentos pelo tom da minha voz.
Eu chamo Dali, com um tom ameno e feliz, ela vem até mim abanando o rabo.
Eu chamo Dali, com um tom agressivo impassível, ela baixa o rabo e para.

Quando eu estava jantando chamei ela com um tom alegre, não queria que ela pensasse que ganharia comida, ordenei com a voz, Dali!. Simples assim, ela entende que mesmo que diga seu nome, eu posso dizer "vem aqui" ou "pare de latir", que são ordens bem diferentes.

Dali entendeu tudo porque eu tive fé que entederia.

O Flúor e a Água.

Nenhum comentário:

Não deixe de comentar.
Jesus nos guie.

Visitantes